Clique no banner abaixo para comprar os livros de Hugo Goes

Questões FCC - Nº 175

175. (FCC - Analista TRF 2ª Região - 2007). Considere as seguintes assertivas a respeito do auxílio-doença:
I. O auxílio-doença será devido ao segurado empregado a contar do décimo sexto dia do afastamento da atividade, e, no caso dos demais segurados, a contar da data do início da incapacidade e enquanto ele permanecer incapaz.
II. Quando requerido por segurado afastado da atividade por mais de trinta dias, o auxílio-doença será devido após quinze dias contados da data da entrada do requerimento.
III. Em regra, o auxílio-doença, inclusive o decorrente de acidente do trabalho, consistirá numa renda mensal correspondente a noventa e um por cento do salário-de-benefício.
IV. A empresa que garantir ao segurado licença remunerada, em regra, não ficará obrigada a pagar-lhe durante o período de auxílio-doença a eventual diferença entre o valor deste e a importância garantida pela licença.
Está correto o que consta APENAS em
(A) I, III e IV.
(B) I, II e III.
(C) I e III.
(D) II e IV.
(E) II, III e IV.


Gabarito: C

MAIS QUESTÕES

56 comentários:

  1. Letra C - Atualmente estaria todas erradas.

    ResponderExcluir
  2. C - MP mudou as regras mas dependem da aprovação pelo Congresso!

    ResponderExcluir
  3. letra C - a MP que alterou as regras de concessão do auxilio doença, só entrará em vigor a partir do 1º dia do 3º mês subsequente à data da publicação dessa MP. Como essa MP foi publicada no dia 30/12/2014, então a mesma passará a valer a partir do dia 1º/03/2015. Portanto, HOJE, a alternativa correta da questão,ainda é a LETRA C !!!

    http://www.planalto.gov.br/CCIVIL_03/_Ato2011-2014/2014/Mpv/mpv664.htm ( se eu estiver enganado, alguem me corrija por favor ) BOM DIA A TODOS !!!!

    ResponderExcluir
  4. C nas normas antigas...pela nova apenas III estaria correto

    ResponderExcluir
  5. Essa medida provisória infeliz só serviu para dar um nó na nossa cabeça, agora tem que pensar nisso antes de responder às questões, mas como José Orlando mencionou só será válida em março... Eles devem exigi-la quando sair o Edital :/
    Ninguém merece mesmo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso mesmo Jamila, agora a gente tem que REaprender rsrs. Até porque o edital não deve sair antes dessa data ( 1º de março ) .

      Excluir
  6. Mais uma questãozinha para reflexão... Vamos lá neh!!!!

    Prova: CESPE - 2013 - TRT - 5ª Região (BA) - Juiz do Trabalho
    Considerando-se que determinado contribuinte tenha deixado de pagar uma contribuição previdenciária relativa ao mês de novembro de 2008 e que essa contribuição não tenha sido objeto de qualquer lançamento tributário, é correto afirmar que o direito de a administração pública constituir o respectivo crédito decairá em
    a) janeiro de 2014.
    b) novembro de 2018.
    c) dezembro de 2018.
    d) janeiro de 2019.
    e) dezembro de 2013.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou de C - 10 anos

      Excluir
    2. decadencia de 05 a contar do mes seguinte àquele que deveria ser pago. mes de pagamento dez, mes seguinte jan de 2009 com 05 anos = jan 2014.

      Excluir
    3. Parabéns povo...
      GABARITO: A
      CTN Art. 173. O direito de a Fazenda Pública constituir o crédito tributário extingue-se após 5 (cinco) anos, contados:
      I - do primeiro dia do exercício seguinte àquele em que o lançamento poderia ter sido efetuado;

      O crédito deveria ter sido constituído no exercício de 2008, mas não o foi. O prazo de 5 anos começará a contar a partir do primeiro dia do exercício seguinte: jan/2009, vencendo em jan/2014.

      Excluir
  7. Letra C
    A questão do CESPE 2013 - O prazo de decadencia é 05 anos. Letra A

    ResponderExcluir
  8. C
    alguém pode me mandar um link que tenha toda essa atualização? . o site do planalto aqui ta dando erro.

    ResponderExcluir
  9. Letra "C". Por que 'em regra', tem alguma exceção no cálculo do auxílio doença? Deu um branco.

    ResponderExcluir
  10. C... Poém o item I está desatualizado...

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir