Clique no banner abaixo para comprar os livros de Hugo Goes

Evangelho do Dia 24 de outubro de 2015 (Lucas 13,1-9)

1 Neste mesmo tempo contavam alguns o que tinha acontecido a certos galileus, cujo sangue Pilatos misturara com os seus sacrifícios.
2 Jesus toma a palavra e lhes pergunta: “Pensais vós que estes galileus foram maiores pecadores do que todos os outros galileus, por terem sido tratados desse modo?
3 Não, digo-vos. Mas se não vos arrependerdes, perecereis todos do mesmo modo.
4 Ou cuidais que aqueles dezoito homens, sobre os quais caiu a torre de Siloé e os matou, foram mais culpados do que todos os demais habitantes de Jerusalém?
5 Não, digo-vos. Mas se não vos arrependerdes, perecereis todos do mesmo modo”.
6 Disse-lhes também esta comparação: “Um homem havia plantado uma figueira na sua vinha, e, indo buscar fruto, não o achou.
7 Disse ao viticultor: ‘Eis que três anos há que venho procurando fruto nesta figueira e não o acho. Corta-a; para que ainda ocupa inutilmente o terreno?’
8 Mas o viticultor respondeu: ‘Senhor, deixa-a ainda este ano; eu lhe cavarei em redor e lhe deitarei adubo.
9 Talvez depois disto dê frutos. Caso contrário, cortá-la-ás’”.
Palavra da Salvação.

5 comentários:

  1. Amem; glorificado seja o nome do pai, por Vosso amor. Bom dia!

    ResponderExcluir
  2. Amem; glorificado seja o nome do pai, por Vosso amor. Bom dia!

    ResponderExcluir
  3. olá , "RICARDO VECCI

    Me tira uma dúvida,por favor: nos posts da questão 443 um colega postou a seguinte questão:
    João trabalha como empregado é casado com maria que trabalha prestando serviços a várias empresas durante o mês, ambos segurados do RGPS desde 01/03/2015 sendo essa a primeira vinculação ao regime, a criança nasceu em 01/09/2015 devido a problemas na gestação e maria infelizmente faleceu 5 dias após. é devido a joão o salário-maternidade que será cálculado com base em seu salário-de-contribuição se requerido em no máximo até 120 após o óbito de maria.

    E você em um dos comentários colocou isso:

    Ricardo Vecci22 outubro, 2015
    Com o nascimento do filho, deve-se verificar a condição do segurado "individualmente".

    O que eu queria saber é onde posso encontrar isso,porque gerou uma dúvida em relação ao artigo:

    Art. 71-B. No caso de falecimento da segurada ou segurado que fizer jus ao recebimento do salário-maternidade, o benefício será pago, por todo o período ou pelo tempo restante a que teria direito, ao cônjuge ou companheiro sobrevivente que tenha a qualidade de segurado, exceto no caso do falecimento do filho ou de seu abandono, observadas as normas aplicáveis ao salário-maternidade. (Incluído pela Lei nº 12.873, de 2013) (Vigência)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa parte " No caso de falecimento da segurada ou segurado que fizer jus ao recebimento do salário-maternidade" conflita com oque vc postou,então queria s a ber onde achar isso,pra ver se eu entendo.Fico no aguardo.Desde já ,obrigada.

      Excluir

Clique no banner abaixo para comprar os livros de Hugo Goes