Clique no banner abaixo para comprar os livros de Hugo Goes

O joio e o trigo

Jesus apresentou-lhes outra parábola:
“O Reino dos Céus é como alguém que semeou boa semente no seu campo. Enquanto todos dormiam, veio seu inimigo, semeou joio no meio do trigo e foi embora. Quando o trigo cresceu e as espigas começaram a se formar, apareceu também o joio. Os servos foram procurar o dono e lhe disseram: ‘Senhor, não semeaste boa semente no teu campo? Donde veio então o joio?’ O dono respondeu: ‘Foi algum inimigo que fez isso’. Os servos perguntaram ao dono: ‘Queres que vamos retirar o joio?’ ‘Não!’, disse ele. ‘Pode acontecer que, ao retirar o joio, arranqueis também o trigo. Deixai crescer um e outro até a colheita. No momento da colheita, direi aos que cortam o trigo: retirai primeiro o joio e amarrai-o em feixes para ser queimado! O trigo, porém, guardai-o no meu celeiro!’”
(Mateus 13, 24-30)
Explicação da parábola do joio e do trigo

Então Jesus deixou as multidões e foi para casa. Seus discípulos aproximaram-se dele e disseram: “Explica-nos a parábola do joio!” Ele respondeu:
“Aquele que semeia a boa semente é o Filho do Homem. O campo é o mundo. A boa semente são os que pertencem ao Reino. O joio são os que pertencem ao Maligno. O inimigo que semeou o joio é o diabo. A colheita é o fim dos tempos. Os que cortam o trigo são os anjos. Como o joio é retirado e queimado no fogo, assim também acontecerá no fim dos tempos: o Filho do Homem enviará seus anjos e eles retirarão do seu Reino toda causa de pecado e os que praticam o mal; depois, serão jogados na fornalha de fogo. Ali haverá choro e ranger de dentes. Então os justos brilharão como o sol no Reino de seu Pai. Quem tem ouvidos, ouça."
 (Mateus 13, 36-43)

7 comentários:

  1. Senhor Deus, tendes misericordia da humanidade.

    ResponderExcluir
  2. Sabe professor, depois de estudar cinco anos para concursos, ter passado em alguns, mas sempre com a vontade de ser servidora do INSS, e com dois concursos realizados, ficar próxima, mas não dentro do número de classificados, hoje dou graças a Deus. Aprendi direito previdenciário, conheço até muito mais do que a gerente da APS onde moro, mas decididamente o INSS não é o meu lugar. Jamais me sentiria bem como cristã, vendo o sofrimento dos segurados e o descaso dos "médicos" peritos, que alías, são pagos por nós. É tanta hipocrisia, tanta incompetência que tenho presenciado, mas o pior, é tanta maldade, em nome do emprego que me dá naúseas. Sabe professor, hoje sei por que Deus não me quer lá! E aprendi Direito previdenciário para ajudar as pessoas. Concurso só outros ... INSS jamais.

    ResponderExcluir
  3. Senhor tem misericórdia dos segurados doentes, dos segurados que irão se aposentar e logo em seguida morrer, dos segurados que são judiados nas APS por servidores patéticos, que se acham, por médicos sem ética em nome dos seus gordos salários, misericórdia do teu povo Senhor.

    ResponderExcluir

Clique no banner abaixo para comprar os livros de Hugo Goes