Clique no banner abaixo para comprar os livros de Hugo Goes

Presidente do INSS fala sobre possibilidade de nomeação de excedentes do último concurso

Clique aqui para escutar o áudio de reunião de Leonardo Gadelha, presidente do INSS, com um grupo de excedentes do último concurso do INSS.

25 comentários:

  1. Obrigada pela informação! Deus abençoe!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você é excedente no último concurso do Inss ?Lúbia Gonçalves

      Excluir
    2. Lubia, ele falou sobre o que no audio? Não consegui ouvir

      Excluir
    3. Boa noite Lubia Gonçalves,
      esse áudio significa dizer que iram ser chamados os excedentes, por exemplo uma pessoa que ficou em 15° lugar?
      Você pode me responder?
      Não consegui ouvir o áudio

      Excluir
  2. Professor Hugo Goes, no audio o Gadelha fala sobre uma jurisprudência em que ele poderia nomear cem por cento. Você conhece essa jurisprudência? Se conhece nos informe sobre, por favor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é nada de mais, trata-se de uma decisão em RE em que o STF firma o entendimento que o órgão deve nomear os classificados dentro do número de vagas dentro do prazo do concurso. Ele só quis responder aos protestos, argumentando que a Adm. Pública tem prazo para nomear e não está agindo de forma irregular.

      Excluir
  3. O áudio está inacessível no momento, até mesmo pra download. O que houve?

    ResponderExcluir
  4. Não consigo ouvir, nem mesmo baixando o dito cujo....

    ResponderExcluir
  5. O gadelha fala sobre a jurispud de nomear 100 por cento dos excedentes....nao encontrei...senhor poderia falar sobre isso?

    ResponderExcluir
  6. Não consigo baixar nem ouvir diretamente.

    ResponderExcluir
  7. Boa noite,
    Também não consigo baixar o audio
    esse áudio significa dizer que os excedentes, por exemplo , o que ficou em 15° lugar poderá ser chamado?
    Alguém por gentileza me responde, porfavor
    Agradecida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nesse audio o Gadelha fala sobre prorrogar o concurso que sera um ato que compete a ele....falou sobre pedido do adc de 50 por cento das vagas inicias e sobre a jurisprudencia que possibilita chamar mais 50 por cento totaliza 100 por cento das vagas inicias....enfatiza a necessidade de pessoal na autarquia....falou sobre as aposentadorias que podem ocorrer no px anos...isso....

      Excluir
    2. necessario saber se teu nome consta no edital 13 ou 19....tens reais chances de ser nomeada...mas continue estudando e tudo acontece no momento certo.

      Excluir
  8. Caso alguém ainda queira ouvir o aúdio... Coverti e coloquei no Drive.
    https://drive.google.com/open?id=0B2buc20352G3cGhXa1ZDcktQX1E

    Força e Fé.

    ResponderExcluir
  9. Professor Hugo, onde consigo saber quantos candidatos foram chamados para cada região desde a última convocação?
    Obrigada
    karla Alencar

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Pessoal, alguém faz parte de algum grupo de excedentes? Consegui minha reclassificação liminarmente (questão do Pedro) e queria entrar no grupo, se possível

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem o grupo no facebook dos:

      Excedentes do INSS
      https://www.facebook.com/groups/1558014754500606/

      Grupo da Comissão
      https://www.facebook.com/groups/aprovadosinss2016

      Excluir
    2. Em qual vara você conseguiu a reclassificação? Qual o número do processo?

      Excluir
    3. Como vc conseguiu? Quantos pontos vc fez? Qual a sua gerência executiva? Obg

      Excluir
  13. Professor Hugo... Fiquei em 54º para a Gerência Executiva de Marabá (24 vagas na ampla concorrência). Tenho chances como excedente? A região vai precisar de pelo menos mais 30 servidores além das vagas?

    ResponderExcluir
  14. vale mesmo, tirou minhas duvidas sobre o prazo de prorrogação , e o excedente ...

    ResponderExcluir
  15. Professor.
    Quais as novidades para quem foi aprovado no último concurso da previdência?

    ResponderExcluir