LANÇAMENTO: 14ª EDIÇÃO DO MANUAL DE DIREITO PREVIDENCIÁRIO

LANÇAMENTO: 14ª EDIÇÃO DO MANUAL DE DIREITO PREVIDENCIÁRIO
Clique na imagem acima para comprar com 20% de desconto

EVANGELHO DO DIA 24 de setembro de 2018 (Lucas 8,16-18)

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas.
16 Disse Jesus: “Ninguém acende uma lâmpada e a cobre com um vaso ou a põe debaixo da cama; mas a põe sobre um castiçal, para iluminar os que entram.
17 Porque não há coisa oculta que não acabe por se manifestar, nem secreta que não venha a ser descoberta.
18 Vede, pois, como é que ouvis. Porque ao que tiver, lhe será dado; e ao que não tiver, até aquilo que julga ter lhe será tirado”.
Palavra da Salvação.

4 comentários:

  1. Amém. Professor qual a diferença do art. 15 da lei 8213/91, inciso II, e o art. 118, da lei 8213/91.
    O senhor fala no vídeo que se o auxílio-doença não for acidentário, o segurado não terá a estabilidade por 12 meses, mas, nesse caso, ele se enquadraria no art.13 do Regulamento: " mantém a qualidade de segurado até 12 meses após a cessação de benefício por incapacidade", que, nesse caso, seria o auxílio doença, correto?

    ResponderExcluir

Clique na imagem abaixo pra comprar livros de Hugo Goes