Deputado Arlindo Chinaglia
 (Foto: Gustavo Lima)
A ministra do Planejamento, Miriam Belchior, solicitou ao Congresso Nacional a adequação da proposta de orçamento da União para o ano de 2012, com o objetivo de possibilitar a realização de concursos públicos para 3.499 vagas em diversas instituições federais. Dentre estas, foram solicitadas 850 vagas no âmbito da Secretaria da Receita Federal do Brasil;

O relator do Orçamento, deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), não acatou a solicitação da ministra do Planejamento. Apesar disso, em entrevista à FOLHA DIRIGIDA, a secretária de Gestão do Ministério do Planejamento, Ana Lucia Brito, afirmou que os referidos concursos acontecerão.

Segundo a secretária, com a negativa do Congresso será necessária uma revisão do planejamento, mas o mais provável é que seja autorizado um quantitativo próximo do que foi informado na nota técnica encaminhada ao Congresso, ou seja, 850 vagas distribuídas pelos três cargos (AFRFB, ATRFB e ATA).