Nesta terça (16), Dilma chamou ao seu gabinete o vice-presidente Michel Temer. Nesse encontro, cuidou de apagar um princípio de incêndio. Circulava pelos subterrâneos de Brasília o rumor de que o petista Carlos Gabas, atual secretário-executivo da Previdência, passaria a responder também pelo comando do INSS. Dilma negou.

A presidente disse a Temer que aguarda do PMDB a indicação de um novo nome para o INSS. Temer passou adiante a orientação de Dilma. Caberá à bancada de senadores do PMDB oferecer sugestões de nomes para o INSS.

As informações acima são do Blog do Jornalista Josias de Souza.

***

Motivo da mudança na presidência do INSS

Segundo a coluna do Jornalista Cláudio Humberto, a presidenta Dilma Rousseff decidiu exonerar o presidente do INSS, Mauro Luciano Hauschild, ao tomar conhecimento de que ele se licenciara do cargo para participar da campanha municipal no Rio Grande do Sul. Além disso, avaliações periódicas feitas pelo governo mostraram uma deterioração dos indicadores de desempenho do INSS. Ao juntar os dois fatos, a presidenta desceu a lâmina.

O irmão do Mauro, Marcelo Hauschild, foi candidato a vereador pelo PC do B no Município de Bom Retiro do Sul / RS, obteve 199 votos e não foi eleito. Clique aqui e confira.