"Nenhum cientista dispõe de um só argumento [...] com que possa  contradizer uma tal hipótese [de um criador]."
Hoimar von Ditfurth (1921-1989, cientista alemão)