23. (Blog do Hugo Goes – 2013) Francisco é proprietário de um imóvel rural cuja área é de 3 módulos fiscais. Comprovadamente, ele e sua esposa, Madalena, residem no referido imóvel e exercem a atividade agropecuária em regime de economia familiar. Eles nunca recolheram contribuição para a Previdência Social. Em março de 2012, sete meses depois de ter inciado o exercício da atividade de agropecuarista, Francisco sofreu um acidente de trabalho e perdeu as duas mãos. Em janeiro de 2013, Francisco faleceu. No mês do acidente, Francisco requereu aposentadoria por invalidez. No mês do óbito de Francisco, Madalena requereu pensão por morte. Considerando que em janeiro de 2013 os benefícios do RGPS foram reajustados em 6,20%, assinale a alternativa correta:
(A) Ambos os benefícios são devidos, sendo a renda mensal inicial da aposentadoria por invalidez  igual a R$622,00 e a da pensão por morte igual R$678,00
(B) A aposentadoria por invalidez não será devida, pois Francisco não cumpriu o período de carência. Mas a pensão por morte será devida, sendo a renda mensal inicial igual R$678,00.
(C) Ambos os benefícios são devidos, sendo a renda mensal inicial da aposentadoria por invalidez  igual a R$777,50 e a da pensão por morte igual R$825,70.
(D) Os benefícios não serão devidos, pois os referidos trabalhadores rurais estão em débito com o sistema previdenciário.
(E) Ambos os benefícios são devidos, sendo a renda mensal inicial da aposentadoria por invalidez  igual a R$777,50 e da pensão por morte igual R$678,00.

GABARITO