O Papa Francisco, quando esteve a cargo da ordem jesuíta na Argentina em 1975, salvou a vida do padre espanhol José Caravias, radicado atualmente no Paraguai, e a de outros dois religiosos, ameaçados de morte em Buenos Aires pelo grupo paramilitar "Triple A", revelou o padre à AFP.

Clique aqui e saiba mais!