Verão de 1936, início da Guerra Civil Espanhola. O filme narra o martírio de 51 Claretianos membros da comunidade Barbastro (Huesca), destacando o aspecto humano e religioso das pessoas que participaram deste evento histórico e a dimensão universal do triunfo do amor sobre a morte.