O Papa reconhece dificuldade na reforma da Cúria Romana e a existência de um "fluxo de corrupção" e de um "lobby gay"

Declarações foram feitas em audiência com religiosos da América Latina, informou a agência de notícias "I.Media" nesta terça-feira (11).

Clique aqui e saiba mais!

Comentários

  1. Parece-me que a lucidez está chegando a uma das instituições mais reacionária, machista,homofóbica,discriminatória e preconceituosa da história! Bons ventos...

    ResponderExcluir

Postar um comentário