"Os orgulhosos e os avarentos nunca estão tranquilos. Os pobres de espírito humilde gozam de imensa paz."

Tomás de Kempis (1380 - 1471 d. C), monge e escritor místico alemão, autor do livro "A Imitação de Cristo".