O processo 03000.006335/2013-52 pede novo concurso públcio para para provimento de 2.280 vagas. Ao final no trâmite desse processo, surgiu uma EMI 41/MP/MPS (Exposição de Motivos Interministerial). Mas Para realização de novo concurso, o MPOG não precisa encaminhar exposição de motivos à Presidência da República. O MPOG tem competência para autorizar novos concursos. Já a nomeação dos excedentes, depende de autorização da Presidenta Dilma, pois o MPOG já autorizou os 50% que lhe compete. Por isso, essa E.M.I 41/MP/MPS só pode ser referente às nomeações dos excedentes.

Agora apareceu o processo 03000.000952/2014-25, que pretende ANEXAR, ao processo 03000.006335/2013-52, mais 300 vagas.

A conclusão mais lógica que se pode tirar de tudo isso é que serão nomeados 2.580 excedentes (2.280 + 300 = 2.580).

Contudo, outras possibilidades também existem: (a) substituição dos 2.280 por 300; ou (b) 300 para os excedentes e 2.280 para novo concurso.

São os meus ACHISMOS dessa noite.

Uma boa noite para todos.