42. (Hugo Goes – 2014) Onofre trabalhou durante 22 anos, de forma permanente, não ocasional nem intermitente, sujeito a condições especiais prejudiciais a saúde ou a integridade física. Nos primeiros 5 anos, a atividade desenvolvida pelo segurado dava direito à aposentadoria especial aos 15 anos de contribuição. Nos 17 anos seguintes, a atividade dava direito à aposentadoria especial aos 25 anos de contribuição. Nesse caso,
(A) Onofre ainda tem de trabalhar mais 3 anos para adquirir direito à aposentadoria especial.
(B) Onofre já tem direito à aposentadoria especial, cuja renda mensal inicial será 100% da média aritmética simples dos maiores salários-de-contribuição correspondentes a oitenta por cento de todo o período contributivo, multiplicada pelo fator previdenciário.
(C) Onofre já tem direito à aposentadoria especial, cuja renda mensal inicial será 100% da média aritmética simples dos maiores salários-de-contribuição correspondentes a 80% de todo o período contributivo decorrido desde a competência julho de 1994.
(D) Onofre já tem direito à aposentadoria especial, cuja renda mensal inicial será 80% da média aritmética simples dos maiores salários-de-contribuição correspondentes a 100% de todo o período contributivo.
(E) Para adquirir o direito de se aposentar, Onofre ainda tem de trabalhar mais 13 anos.

Gabarito: C

MAIS QUESTÕES