No dia 30/03/2020, foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) o edital com as regras para o chamamento que permitirá a contratação temporária de 8.230 servidores para trabalharem na área previdenciária, no atendimento ao público e na análise de pedido de benefícios.

As vagas foram distribuídas da seguinte forma: 7.400 vão atuar em atendimento e serviços administrativos no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), 255 na Perícia Médica Federal, 235 no Conselho de Recursos da Previdência Social (CRPS), 50 na Subsecretaria dos Regimes Próprios de Previdência Social (SRPPS), e 290 no Departamento de Centralização de Serviços de Inativos, Pensionistas e Órgãos Extintos (DECIPEX).

Serão contratados servidores aposentados pelo regime próprio de previdência social da União e os militares inativos para o desempenho de atividades de natureza civil. 

O processo seletivo teve 17.277 inscritos.

No dia 18/05/2020, foi publicado o resultado preliminar do processo seletivo. Dentre os concorrentes, 10.246 não foram habilitados. O principal motivo da não habilitação foi o seguinte: 

"NÃO HABILITADO: Ausência do requisito previsto no item 2.2 - Não é aposentado do RPPS"

Clique aqui para acessar o LISTA DE INSCRITOS (HABILITADOS E NÃO HABILITADOS).