Clique no banner abaixo para comprar os livros de Hugo Goes

Quinto recurso em face do gabarito preliminar da prova de Técnico do Seguro Social

88. As contribuições devidas à Seguridade Social já descontadas dos segurados empregados e não recolhidas até o seu vencimento poderão ser objeto de acordo para pagamento parcelado.

GABARITO PRELIMINAR: E

Atualmente, o parcelamento de débitos de qualquer natureza para com a Fazenda Nacional, inclusive as contribuições previdenciárias, é regido pela Lei nº 10.522/2002.

De acordo com o inciso I do art. 14 da Lei 10.522/02, é vedada a concessão de parcelamento de débitos relativos a tributos passíveis de retenção na fonte, de desconto de terceiros ou de sub-rogação. A Lei nº 10.666/2003 também aponta no mesmo sentido, ao determinar, em seu art. 7º, que não poderão ser objeto de parcelamento as contribuições descontadas dos empregados, inclusive dos domésticos, dos trabalhadores avulsos, dos contribuintes individuais, as decorrentes da sub-rogação e as demais importâncias descontadas na forma da legislação previdenciária.

O art. 14-C da Lei 10.522/2002, incluído pela Lei nº 11.941/2009, criou o “parcelamento simplificado”. No parcelamento simplificado, as contribuições descontadas dos segurados podem ser objeto de parcelamento, pois o parágrafo único do art. 14-C da Lei 10.522/2002 estabelece que as vedações previstas no art. 14 dessa Lei não se aplicam ao parcelamento simplificado.

Até aqui, concordo com o gabarito preliminar dado pela douta Banca Examinadora, pois a regra geral é que as contribuições descontadas dos segurados não podem ser objeto de parcelamento (Lei 10.522/2002, art. 14, I c/c Lei 10.666/2003, art. 7º). O parcelamento simplificado, que aceita que tais contribuições sejam parceladas, representa uma exceção à rega.

O problema aqui não é discordância com o gabarito. O problema é que o tema PARCELAMENTO não consta do programa do cargo de Técnico do Seguro Social, previsto no item 14 do edital do concurso. A Lei nº 10.522/2002, que rege os parcelamentos, também não consta do programa de Técnico do Seguro Social.

O tema PARCELAMENTO consta do programa do cargo de Analista do Seguro Social, mas não consta do programa de Técnico do Seguro Social.

Diante do exposto, rogo pela ANULAÇÃO da presente questão.

Clique aqui para apresentar seu recurso!

123 comentários:

  1. Cespe vai decidir o concurso no tapetao. Uma vergonha o que aconteceu.

    Sem recurso: (4) Matérias. Caderno Cubo.

    1. Ética
    2. Regime jurídico único.
    3. Redação oficial.
    4. Informática

    Passíveis de recursos. Caderno Cubo.

    1. Dir. Adm = Publicidade x Eficiencia. Piada! Nao é eficiencia. Mudar o gabarito.

    2. RLM = Questao 48 = Está correta! Todos os professores deram como correta. Outra piada. Mudar o gabarito.

    3. Constitucional = Questao 32. Acertei a questao, porém, é sim passível de anulacao.

    4. Portugues = Questao 12 (Acertei) Mas vi professores dando como errada a questao. Nao foram poucos.

    5. Dir. Previdenciário = No mínimo 6 questoes.

    (a) Receita federal = Acertei a questao. Mas é discutível.
    (b) 1966 x 1967. Precisa inverter o gabarito.
    (c) Direta x indireta = Acertei a questao, mas é discutível.
    (d) Lei complementar = DF X Estado.
    (e) Questão 79. O Professor Hugo Goes e outros professores haviam dito que estava errado e consideraram como certa.
    (f) Questao 88 = Apesar dos professores falarem que a questao está errada, vi outras pessoas considerando-a como correta, pois existe a excecao.

    Das 10 acertei 4 e errei 6. Considero todas passíveis de mudanca de gabarito em alguns casos e em outros anulacao da assertiva.

    Vamos entrar com recurso. Estaremos de olho nessas 10 assertivas. Decidirao o concurso. Por enquanto 96 acertos. Podendo ir a 102. Uma enorme diferenca. Sao 12 pontos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tens os recursos das questões 12 e 32?

      Excluir
    2. Pelo que vi amigo você só está preocupado consigo.

      Excluir
    3. Pelo que vi amigo você só está preocupado consigo.

      Excluir
    4. Thales fizeste pra qual Gex?

      Excluir

    5. Thales tu tem o fundamento poara a questão (d) Lei complementar = DF X Estado

      Excluir
    6. fiz prova cubo 99 pontos... certo que 3 questões eu meti um balde de água no meu estudos... as mais fáceis errei.
      tenho 10 erros, 6 passível de recurso e anulação.
      meter recurso!

      Excluir
    7. Gente a cespe julgou algum recurso pq nao consigo entrar mi ha senha mudou e nao consigo acessar o link da cespe

      Excluir
  2. Parabéns ao professor Hugo Goes.

    Sempre isento, coerente e imparcial.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Professor nos ajudando até nos últimos instantes de caminhada ...obrigada professor por tudo !

    ResponderExcluir
  5. Esse gabarito E aí não concordo. Até pq a banca usa PODERÁ, abrindo brecha pra exceção.

    Mas se tratando de edital, não consta mesmo no programa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato Stonis.

      Ela abre espaco para a excecao.

      Em outra assertiva que nao me lembro agora. Ela afirma que ''Em regra.....''

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Perfeito Srs., também tenho entendimento nesse sentido. Salvo, alguém nos provar que não há NENHUMA hipótese possível desses créditos em questão serem parcelados.

      Excluir
    4. Concordo com vocês. O argumento de que existe sim meios para o parcelamento é o argumento importante e mais forte no caso, o que torna a questão CERTA.

      Excluir
    5. De onde o professor tirou que é uma exceção à regra?

      Excluir
  6. Professor , preciso do recurso da questão 56...o senhor havia dito que existe a possibilidade de considerar como E.

    ResponderExcluir
  7. Entendo que a questão estaria Certa por outro motivo. A palavra "poderá" admite a existência em alguma hipótese em que esses valores poderão ser parcelados. SMJ, independente das possíveis sanções, há possibilidade de valores que a empresa deva recolher (oriundos de qualquer fonte) serem parcelados em condições extraordinárias. Estou errado?

    ResponderExcluir
  8. A 85 da prova Alga também cabe recursos : As empresas são obrigadas a arrecadar a contribuição do segurado contribuinte individual a seu serviço, descontando-a da respectiva remuneração. O senhor falou várias vezes em aula q a contribuição do contribuinte individual é sobre o salário de contribuição. Note que a questão está perguntando a contribuição do CI, E NÃO A DA EMPRESA (PATRONAL).

    ResponderExcluir
  9. A 85 da prova Alga também cabe recursos : As empresas são obrigadas a arrecadar a contribuição do segurado contribuinte individual a seu serviço, descontando-a da respectiva remuneração. O senhor falou várias vezes em aula q a contribuição do contribuinte individual é sobre o salário de contribuição. Note que a questão está perguntando a contribuição do CI, E NÃO A DA EMPRESA (PATRONAL).

    ResponderExcluir
  10. A 85 da prova Alga também cabe recursos : As empresas são obrigadas a arrecadar a contribuição do segurado contribuinte individual a seu serviço, descontando-a da respectiva remuneração. O senhor falou várias vezes em aula q a contribuição do contribuinte individual é sobre o salário de contribuição. Note que a questão está perguntando a contribuição do CI, E NÃO A DA EMPRESA (PATRONAL).

    ResponderExcluir
  11. Prof Hugo Goes, e quanto a essa questão. O senhor tinha comentado no vídeo que dava pra anular por não estar prevista no edital. Pode fazer um recurso (modelo) pra esta também?

    QUESTÃO 56 caderno BETA
    Lei complementar editada pela União poderá autorizar os estados e o DF a legislar sobre questões específicas relacionadas à seguridade social.
    GAB. PRELIMINAR=C

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tb queria recurso para esta questão. Não tá no programa nem de D. Prev. nem de Dir. Constitucional.

      Excluir
    2. CF-Art 22-Parágrafo único. "Lei complementar poderá autorizar os Estados a legislar sobre questões específicas das matérias relacionadas neste artigo."

      A CF so fala dos estados, não fala nada sobre o DF, acho que cabe recurso aqui

      Excluir
    3. os poderes da união consta no conteúdo programático do edital, porém, para o cargo de analista, item 3.1 e 3.2, no edital para técnico não conta no conteúdo programático

      Excluir
    4. A questão aborda a competência legislativa da União acerca da Seguridade Social, todavia esse tema é tratado nos art. 22, inciso XXIII e parágrafo único, bem como no art. 29 da Constituição Federal, os quais não constam no edital, devendo, portanto, ser anulada.

      Excluir
  12. A 85 da prova Alga também cabe recursos : As empresas são obrigadas a arrecadar a contribuição do segurado contribuinte individual a seu serviço, descontando-a da respectiva remuneração. O senhor falou várias vezes em aula q a contribuição do contribuinte individual é sobre o salário de contribuição. Note que a questão está perguntando a contribuição do CI, E NÃO A DA EMPRESA (PATRONAL).

    ResponderExcluir
  13. A 85 da prova Alga também cabe recursos : As empresas são obrigadas a arrecadar a contribuição do segurado contribuinte individual a seu serviço, descontando-a da respectiva remuneração. O senhor falou várias vezes em aula q a contribuição do contribuinte individual é sobre o salário de contribuição. Note que a questão está perguntando a contribuição do CI, E NÃO A DA EMPRESA (PATRONAL).

    ResponderExcluir
  14. E a questão 56 do caderno cubo, estava prevista no edital?

    56. Lei complementar editada pela União poderá autorizar os
    estados e o DF a legislar sobre questões específicas
    relacionadas à seguridade social.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. e então... também comentei isso acima.
      Não tinha nada no edital sobre competência na UNIÃO.

      Excluir
    2. essa questão não estava prevista no edital

      Excluir
  15. Quando a banca cespe anula uma questão no gabarito final, todo mundo ganha ponto (como se tivesse marcado a correta)? Ou ngm ganha ponto?

    ResponderExcluir
  16. Prof o Sr é um anjo, eu ia me matar amanha pra buscar e fundamentar essas questões,estou com 90 pontos e desesperada/injustiçada, muito obrigada, de coraçÃo, Deus continue a lhe abençoar pq o Sr merece pelo bem que nos faz.

    ResponderExcluir
  17. professor, peço que me aconselhe de como falar no recurso, diante da questao 56, que fala da lei complementar editada pela uniao.

    ResponderExcluir
  18. Olá Professor Hugo Goes e concurseiros!!
    É a primeira vez que realizo um curso na Casa do Concurseiro e da prova de banca CESPE. E achei a prova bem difícil e complexa! Visualizei no fórum que ninguém comentou sobre estas questões, que a meu ver, são cabíveis de recurso. São as questões de número 114 e 115 de conhecimentos específicos (Caderno Alga). A meu ver estas estariam em desacordo com o gabarito preliminar divulgado hoje. A questão 114 estaria na verdade ERRADA, pois a assertiva diz respeito aos princípios da SEGURIDADE SOCIAL e não da PREVIDÊNCIA SOCIAL, como está descrito na prova. Assim como a questão 115 que também estaria ERRADA, pois os PENSIONISTAS, NÃO compõem o Conselho Nacional de Previdência Social, como está descrito. Espero que outras pessoas também tenham se dado conta destes equívocos. Obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahahaha... Tu ta de sacanagem né cara?!

      Excluir
    2. Equivocado está vc meu caro. Acho que vc dormiu nessa aula.

      Excluir
    3. Kkkkkk esse tem coragem ou é maior zuador kkk

      Excluir
  19. Professor essa questão esta no art. 38 e segundo o edital ele pedia a lei 8.212/91.
    Art. 38. As contribuições devidas à Seguridade Social, incluídas ou não em notificação de débito, poderão, após verificadas e confessadas, ser objeto de acordo para pagamento parcelado em até 60 (sessenta) meses, observado o disposto em regulamento.

    § 1º Não poderão ser objeto de parcelamento as contribuições descontadas dos empregados, inclusive dos domésticos, dos trabalhadores avulsos e as decorrentes da sub-rogação de que trata o inciso IV do art. 30, independentemente do disposto no art. 95.

    ResponderExcluir
  20. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  21. Oi gente
    Nunca fiz recurso.
    É só colocar o que o professor está falando???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Roberta! Tem que mudar o texto.O Cespe não gosta de cópia. O Leon também postou um modelo na página dele.

      Excluir
  22. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  23. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  24. Em relação a questão sobre a lei complementar autorizando os estados e o DF a legislar sobre seguridade social, também está passível de recurso, já que não está previsto no edital!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. não viaja tá na constituição entre os artigo 194 a 204

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    4. Está no art. 22, XXIII, parágrafo único da CF88. Não está nos artigos 194 ao 204. ;)
      Extrapolou o edital,sim. Clovis tem razão.

      Excluir
  25. Em relação a questão sobre a lei complementar autorizando os estados e o DF a legislar sobre seguridade social, também está passível de recurso, já que não está previsto no edital!

    ResponderExcluir
  26. 56- Prova cubo. Lei complentar editada pela União...
    Não estar previsto no edital.
    recurso professor.

    ResponderExcluir
  27. Claro que consta no edital amigos. Art. 244, § 1º do Decreto 3048/99: Não poderão ser objeto de parcelamento as contribuições descontadas dos segurados empregado, inclusive o doméstico, trabalhador avulso e contribuinte individual, as decorrentes da sub-rogação de que tratam os incisos I e II do § 7º do art. 200 e as importâncias retidas na forma do art. 219. (Redação dada pelo Decreto nº 4.729, de 2003).

    ResponderExcluir
  28. Acho que caberia recurso na questão 56 - Alga, pois no artigo 22 da constituição não fala sobre o DF.

    ResponderExcluir
  29. A dona de casa e o estudante podem filiar-se facultativamente ao RGPS mediante contribuição, desde que não estejam exercendo atividade remunerada que os enquadre como segurados da Previdência Social.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O q vc acha dessa questão, ao mencionar apenas um dos critérios para inscrever como facultativo, ou seja, que não exerça atividade remunerada, não mencionando nada a respeito da idade mínima de 16 anos

      Excluir
    2. Não mencionar a idade não faz diferença alguma. Na questão do pedro professor também não diz que ele tem 16 anos. Vai considerar errada todas as questões que não dizem a idade de todos os segurados? Não faz sentido.

      Excluir
  30. Professor como posso elaborar um recurso de uma questão que extrapolou o edital?

    56. Lei complementar editada pela União poderá autorizar os
    estados e o DF a legislar sobre questões específicas
    relacionadas à seguridade social.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. infelizmente não houve extrapolação do edital as leis estavam lá na ultima linha do edital do concurso. com isso pode cobrar o que quiser dentro das leis e foi o que foi cobrado

      Excluir
  31. Professor, preciso muito de sua ajuda!

    Em relação à questão Q.91 (caderno ALGA): PENA – Apropriação indébita (Reclusão e Multa).
    Há previsão em alguma das legislações abordadas no edital, tendo em vista que a fundamentação do assunto se dá pelo Direito Penal?
    Desta forma, é cabível solicitar a ANULAÇÃO da questão, tendo em vista que extrapolaram o conteúdo programático? caso positivo poderia me auxiliar nesta questão?
    Desde já agradeço pelas maravilhosas aulas, pelo ser iluminado que é, com suas palavras de fé, que me fortaleceram nessa caminhada, além do seu olhar diferenciado. Obrigada por tudo professor. Amém.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Está expresso na legislação previdenciária sim, dentro do edital. Eu não posso te dizer agora qual é a lei, porque já não me acordo. Mas no Alfa passaram isso para a gente durante a aula e eu lembro de ter visto, tanto que acertei essa questão.

      Excluir
  32. Professor, mas isso está no Decreto 3048
    Art. 244 § 1º Não poderão ser objeto de parcelamento as contribuições descontadas dos segurados empregado, inclusive o doméstico, trabalhador avulso e contribuinte individual, as decorrentes da sub-rogação de que tratam os incisos I e II do § 7º do art. 200 e as importâncias retidas na forma do art. 219

    ResponderExcluir
  33. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  34. Galera qual sera uma mota boa? Sei que depende da fegiao e td mas no geral qual foi uma nota boa ? O que acham? Fiz 90 no preliminar mas nao faço ideia de como ta a galera aqui na minha regiao de cg

    ResponderExcluir
  35. Galera qual sera uma mota boa? Sei que depende da fegiao e td mas no geral qual foi uma nota boa ? O que acham? Fiz 90 no preliminar mas nao faço ideia de como ta a galera aqui na minha regiao de cg

    ResponderExcluir
  36. Professor Hugo Goes estou com dúvida sobre a questão 116 do caderno ALBA que diz: A dona de casa e o estudante podem filiar-se facultativamente ao RGPS mediante contribuição, desde que não estejam exercendo atividade remunerada que os enquadre como segurados obrigatórios da previdência social. Marquei como erada pois no meu entendimento a banca omitiu a questão da idade, de acordo com o RPS é necessário ser maior de 16 anos para filiar- se ao RGPS.

    Decreto 3.048, Art. 11. É segurado facultativo o maior de dezesseis anos de idade que se filiar ao Regime Geral de Previdência Social, mediante contribuição, na forma do art. 199, desde que não esteja exercendo atividade remunerada que o enquadre como segurado obrigatório da previdência social...

    Cade recurso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Junior, eu tbm marquei errada nessa...Acho que cabe recurso sim... você vai fazer?

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Eu também considerei como errada a questão e já entrei com recurso, na pior das possibilidades e questão deve ser anulada, pois, está mal formulada ou no minimo incompleta.

      Excluir
    4. Eu também considerei como errada a questão e já entrei com recurso, na pior das possibilidades e questão deve ser anulada, pois, está mal formulada ou no minimo incompleta.

      Excluir
    5. Dica importante sobre a Cespe. Se tudo que estiver escrito na questão estiver correto, então está correto. Nessa questão, você só teria o direito de dizer que está errado se informasse uma idade menor de 16 anos. Não informando a idade, existe a possibilidade de estar certo, logo é certo. Foi pensando assim que errei só 5 questões. Espero ter ajudado.

      Excluir
  37. Pessoal como estao as pontuacoes da gex fortaleza. Ampla e cota.

    ResponderExcluir
  38. Pessoal como estao as pontuacoes da gex fortaleza. Ampla e cota.

    ResponderExcluir
  39. A 89 da prova beta professor nao seria sobre o sc

    ResponderExcluir
  40. Professor, numa de suas aulas o senhor falou que empregado doméstico tinha que ser mais de dois dias por semana, e tinha que estar expresso, porque se não seria CI.


    rt. 1o Ao empregado doméstico, assim considerado aquele que presta serviços de forma contínua, subordinada, onerosa e pessoal e de finalidade não lucrativa à pessoa ou à família, no âmbito residencial destas, por mais de 2 (dois) dias por semana, aplica-se o disposto nesta Lei.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Natureza continua para cespe e empregado rsrs

      Excluir
  41. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  42. Essa questão eu não sabia com certeza, mas pensei assim: recolheu, mas não repassou a PS é um crime. Vai parcelar para quem cometeu um crime? Não! kkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Concordo plenamente!Se eu recorrer nessa questão, vou argumentar isso para que seja mantido o gabarito preliminar. Não quero "perder" esse ponto. Artigo 239 do Decreto 3048 menciona hipóteses de parcelamento dessas contribuições. Vale a pena consultá-lo.

      Excluir
  43. Confiram suas colocações no concurso INSS 2016 no site http://rankings.olhonavaga.com.br/

    ResponderExcluir
  44. A questão número 16 da prova cubo que versa sobre a universalidade da cobertura e do atendimento, diz que é princípio do dos poderes públicos e da sociedade e ñ da seguridade social, pior faz referência a saúde, nas aulas do professor hugo sempre ouvi ele dizendo q universalidade cobertura não nunca se refere a saúde e sim do atendimento pq todos são atendidos pela saúde e não todos coberto. A previdência tem princípio de cobertura mas a saúde não. Alguém concorda ou discorda? Peço opiniões.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo inteiramente com vc. Segui esse raciocinio

      Excluir
    2. Concordo inteiramente com vc. Segui esse raciocinio

      Excluir
  45. A questão número 16 da prova cubo que versa sobre a universalidade da cobertura e do atendimento, diz que é princípio do dos poderes públicos e da sociedade e ñ da seguridade social, pior faz referência a saúde, nas aulas do professor hugo sempre ouvi ele dizendo q universalidade cobertura não nunca se refere a saúde e sim do atendimento pq todos são atendidos pela saúde e não todos coberto. A previdência tem princípio de cobertura mas a saúde não. Alguém concorda ou discorda? Peço opiniões.

    ResponderExcluir
  46. Só não concordo com o professor em relação ao gabarito. Se não for pra anular, o gabarito deve ser mudado para CERTO. Ora, a questão fala que "poderão" ser objeto de parcelamento, e a lei permite esse parcelamento, então está CORRETO. A palavra "poderão" transmite a ideia de hipótese, de exceção à regra. A questão não tá querendo saber a regra.

    ResponderExcluir
  47. Professor Hugo, gostaria de saber se tem possibilidade de recurso para a questão que falou sobre a lei complementar da União.... Esse tema não estaria inserido na parte de organização do estado da CF? Não lembro de ter visto algo parecido na legislação previdenciária.

    ResponderExcluir
  48. RECURSO PARA Questões 102 até 110.(Alfaconcursos)
    O conteúdo extrapola o conhecimento exigido e cobrado para nível médio.

    O edital para Cargo de Técnico do Seguro Social prevê com relação a Lei Orgânica da Assistência Social que seria exigido do candidato noções, conforme consta em fls. 23:

    14 Lei de Assistência Social (LOAS): conteúdo; fontes e autonomia (Lei nº 8.742/1993 e Decreto nº 6.214/2007 e alterações).

    Pois bem, no edital de Analista do Seguro Social prevê expressamente a cobrança do conteúdo das referidas questões, que tratam da Organização da Assistência Social (questões 102 até 105) e Instâncias Deliberativas do SUAS (questões 106 até 110) divergente e aprofundado, do conteúdo programático de técnico do seguro social, em fls. 20 do Edital de Abertura:

    Lei Orgânica da Assistência Social – Lei nº 8.742/1993 e alterações. 1.1 Definições e Objetivos. 1.2 Princípios e diretrizes. 1.3 Organização e gestão. 1.4 Benefícios, Serviços, Programas e Projetos de Assistência Social. 1.5 Financiamento da Assistência Social. 2 Política Nacional de Assistência Social –PNAS/2004. 2.1 Análise situacional. 2.2 Política Pública de Assistência Social. 2.3 Gestão da Política Nacional de Assistência Social na perspectiva do Sistema Único de Assistência Social – SUAS.(…) 3.4 Instâncias de articulação, pactuação e deliberação.

    O conteúdo abordado nas referidas questões extrapolam o conhecimento exigido para candidatos de nível médio, sendo conteúdo específico exigido dos candidatos de nível superior, com formação em Assistência Social.

    Por estarem extrapolando o conteúdo programático, e conhecimento exigido para o cargo de Técnico do Seguro Social, solicitem a anulação das questões.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Discordo...acertei 9 dessas questões e deixei uma em branco. Estudei sozinha, sem comprar nenhum curso completo, comprei um curso de simulados. Apenas com auxílio de uma apostila e materiais gratuitos disponíveis na internet.

      Excluir
    2. Concordo. Muitos,como eu,que estudaram muito a parte que realmente interessa ao exercício do cargo foram prejudicados.

      Excluir
  49. Professor essa questão não tem como ser anulada, sua fundamentação esta no RPS, ART 244, §1.

    ResponderExcluir
  50. Professor essa questão não tem como ser anulada, sua fundamentação esta no RPS, ART 244, §1.

    ResponderExcluir
  51. Professor tiro o chapéu para o senho, pois sempre vem contribuindo da melhor forma possível para com seus alunos.Acho que não ficarei dentro das vagas, apesar de achar essa prova TSS um desrespeito com os candidatos.Mas de qualquer forma venho agradecer por tudo que vem fazendo por nós(candidatos).Espero que possa estudar novamente com o senhor, pois perseverarei até o fimmm...abração e fica com Deus..

    ResponderExcluir
  52. Pessoal, estava preparando a interposição de recurso da referida questão e parei ao consultar o RPS.
    A questão diz que "poderão ser objeto de acordo de parcelamento...". Já o §1º, Art. 244, Dec. 3.048/99 diz que NÃO:

    § 1º Não poderão ser objeto de parcelamento as contribuições descontadas dos segurados empregado, inclusive o doméstico, trabalhador avulso e contribuinte individual, as decorrentes da sub-rogação de que tratam os incisos I e II do § 7º do art. 200 e as importâncias retidas na forma do art. 219. (Redação dada pelo Decreto nº 4.729, de 2003)

    De qualquer forma, gostaria de agradecer ao professor pela atenção e zelo com os seus alunos. E, também, pela disposição em ajudar.

    ResponderExcluir
  53. As contribuições devidas à seguridade social já descontadas dos segurados empregados e não recolhidas até seu vencimento poderão ser objeto de acordo para pagamento parcelado
    a Lei 12.810/13 admite o parcelamento de débitos com a Fazenda Nacional relativos às contribuições previdenciárias de responsabilidade dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios. a alternativa está certa e não errada .

    ResponderExcluir
  54. Alguma possibilidade de recurso para as questões de 102 a 110? A ideia era fazermos a prova para técnico do seguro social e tivemos mais questões sobre SUAS do que sobre auxílio-doença (algo que os técnicos do INSS têm que lidar constantemente). As questões sobre BPC, perfeitas, afinal o INSS operacionaliza, mas quanto as questões de 102-110 (caderno alga), a impressão que dá é que fizeram a prova do analista e depois aproveitaram questões para a prova de técnico, sem se preocupar se eram apropriadas ou não.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso foi uma palhaçada,mesmo, P.
      Saí do local de prova com muita raiva.

      Excluir
  55. Galera, como vcs estão somando as notas??? Estão atribuindo peso 2 no Previdenciário?

    ResponderExcluir
  56. Pois estou lendo alguns post e o povo querendo ganhar 4 pontos em duas questões no recurso...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas é isso mesmo, cada questão que anula ganha dois pontos

      Excluir

Clique no banner abaixo para comprar os livros de Hugo Goes